Os 100 primeiros dias do bebê – parte 4 (Passeios, chupeta, troca de fralda e pediatra)

Passeios

Sim, seu filho é o bebê mais lindo que existe e você está louco para sair por aí mostrando-o para o mundo. Muita calma. Pense que seu pequeno passou nove meses dentro do útero, um lugar calmo e silencioso, e, de repente, se deparou com uma infinidade de sons, movimentos e novas temperaturas. Não é fácil absorver tanta informação! Para minimizar o choque inicial, evite sair de casa com ele no primeiro mês. Depois disso, vocês já podem visitar os familiares e ir à pracinha tomar sol por alguns minutos. Passeios mais longos só depois de 2 meses e meio. No carro, o bebê conforto deve ser posicionado no banco traseiro, de costas para o painel, até seu filho completar 1 ano de idade ou 10 quilos. A partir de 1 ano, ele já pode passar para a cadeirinha, de frente para o painel, presa pelo cinto de segurança. Quando for colocar o bebê conforto no carrinho, tudo bem deixá-lo virado para você, até porque fica mais fácil de ver como está a criança. Quando ela crescer um pouco mais, aí, sim, deve ficar virado para frente, para poder ver o mundo e interagir com ele.

Chupeta ainda não

Os especialistas dividem opiniões sobre o uso da chupeta, mas todos recomendam não oferecê-la antes dos três meses de vida. Isso porque, na maioria das vezes, o bebê chora de fome, então a chupeta não teria a função tranquilizadora. Caso você opte por usá-la, espere passar esses 100 dias, inclusive para que a amamentação esteja bem estabelecida e o novo hábito não atrapalhe as mamadas.

Troca de fralda

Por dia, o recém-nascido faz em média seis xixis e três cocôs. Inicialmente, o intestino libera o mecônio, um cocô verde-escuro, e é normal ficar sem evacuar até três dias. O ideal é trocar a fralda suja o mais rápido possível e, de preferência, antes das mamadas, pois fazer isso depois pode facilitar que o bebê regurgite. Limpe a área com algodão e água morna e só use o lenço umedecido em emergências. Os cremes de proteção ou de barreira não são obrigatórios, mas você pode passar uma camada leve e fina para prevenir assaduras.

Consulta ao pediatra

A primeira visita ao médico do seu filho deve acontecer no máximo três dias depois que ele sair da maternidade para avaliar o ganho de peso, as funções fisiológicas, a amamentação, e também tirar as dúvidas dos pais, que são muitas nesse momento. Vale anotar o que você quer perguntar para não se esquecer de nada! As próximas consultas serão mensais.

Você também vai gostar:

 

Fonte: retirado do site http://revistacrescer.globo.com/Revista/Crescer/0,,EMI327961-15152,00.html , acessado em 14/09/2017

 


Deixe um Comentário

Portal Clube de Assinaturas © 2020 Todos os direitos reservados.